Tem 30 anos. Pós-graduado com Especialização em Assessoria de Imprensa pela Faculdade do Vale do Ipojuca, graduado em Comunicação Social pela Universidade Estadual da Paraíba.

Já atuou na Rádio São Domingos FM (Brejo da Madre de Deus) em 2007, na Rádio 101,9 FM (Santa Cruz do Capibaribe) de 2007-2008, na Estação Sat (Santa Cruz do Capibaribe) de 2008-2009 e atua até hoje na Rádio Vale AM. Onde desenvolve os trabalhos de produtor e apresentador do programa VALE MAIS.

Atualmente é o responsável pelo Blog do Melqui, assessor de imprensa do vereador Ronaldo Pacas, jornalista da Rádio Vale AM, diretor da Flipi Comunicação e assessor de imprensa da Secretaria Municipal de Assistência Social de Taquaritinga do Norte. Entre em contato pelo blogdomelqui@hotmail.com ou pelo flipicomunicacao@gmail.com.

Acompanhe o Melqui Lima



Mural

Melqui Lima
A Voz do Brasil presta um grande serviço à sociedade. Mas se você não quer deixar de ouvir a transmissão de mais de 1/3 dos jogos da Copa que acontecerão às 19h e quer mais informação de trânsito, música e entretenimento nesse horário, a voz do seu deputado precisa falar por você. Essa é a hora! O Brasil quer a flexibilização do horário da Voz do Brasil votada e aprovada. Particip...
Terça, 22 Abril 2014 17:35
Melqui Lima
Super Manhã - de segunda à ***ta, a partir das 8h da manhã. Tarde Livre - de segunda à ***ta das 14h às 16h. Participe pelos telefones 3731-4033 ou 9275-6290
Quarta, 12 Março 2014 16:44
Deixe o seu recado!

Estudo realizado no Facebook e Twitter aponta opinião dos pernambucanos sobre a violência

A Le Fil realizou, de 1º de março a 12 de abril, um estudo sobre o aumento da violência em Pernambuco. Foram analisadas 700 citações públicas no Facebook e Twitter buscadas a partir dos termos “violência em Pernambuco”, “insegurança em Pernambuco”, “assaltos em Pernambuco” e “Segurança em Pernambuco”. Pelo estudo, 69% das menções indicam o temor dos assaltos a ônibus, 15% apontam o medo do aumento do número de homicídios, 8% mostram a preocupação com a insegurança no interior do estado e 8% com o crescimento nos números da violência contra a mulher. Além disso, as citações evidenciam a falta de confiança na capacidade do estado de solucionar o problema e uma mudança de hábitos como forma de prevenção.

 

O estudo revelou que 81% das citações analisadas atribuem ao governo estadual a culpa pelos números da violência em Pernambuco. Ainda segundo o estudo, apenas 19% das menções culpam o governo federal pela atual situação de insegurança no estado. A análise mostrou ainda a ideia de que, para parte dos internautas, a atual gestão é omissa e não atua na redução das taxas de violência, além de considerar não efetiva a ação do Pacto pela Vida no combate à insegurança.

 

O que surpreende são os resultados do estudo quanto as soluções apontadas o crescimento da violência. De acordo com 45% das citações, a alternativa mais viável é a legalização do porte de armas, outros 45% acham aceitáveis atos de violência surgidos como resposta aos números da insegurança e apenas 10% acreditam que a valorização da polícia possa ajudar a solucionar o problema.

Adicionar comentário


Código de segurança
Atualizar